Experts    |    Eu, profissional    |    Tendências    |    Guia da Beleza
Voltar

Experts

Shutterstock

Faça sua carreira decolar com o curso de cabeleireiro profissional

“Será que a carreira de cabeleireira é para mim?”. Talvez você já tenha feito essa pergunta antes. Por isso, temos dicas para te ajudar a acabar com a dúvida e mergulhar de vez na ideia de ser uma profissional da beleza.

Dica 1 – Gostar do que faz

Uma dica importante é saber se você tem afinidade com a área. Você é daquelas que acompanha sempre as novidades de corte e coloração nas redes sociais? Então, provavelmente você está com meio caminho andado para o sucesso. Nada melhor do que fazer aquilo que a gente gosta.

Dica 2 – Aproveitar oportunidades

Sempre analise o mercado de trabalho. No Brasil, nos últimos dez anos, cerca de 125 mil novos cabeleireiros começaram a trabalhar na área. Esta foi a prestação de serviço que mais cresceu neste período. Deixou para trás até mesmo os profissionais de entrega de aplicativos. A verdade é que beleza nunca sai de moda.

Dica 3 – Estudar para se destacar

O curso de Cabeleireiro Profissional Academy Hair do Instituto Embelleze foi pensado para quem precisa se qualificar antes de aproveitar as oportunidades da carreira de beleza. Os alunos saem preparados para executar as mais variadas técnicas. De cortes a colorações, tratamentos capilares, modelagens, alisamentos, relaxamentos e permanentes, por exemplo. Isso tudo em pouco mais de um ano de estudo.

As aulas também tratam das principais técnicas de atendimento ao cliente. O profissional aprende conceitos importantes sobre tricologia, biossegurança e visagismo. Só assim para conseguir oferecer um serviço mais completo e sempre aliado às expectativas do cliente.

Dica 4 – Prepare-se para qualquer desafio

Trabalhar em salões ou realizar o sonho de tocar o próprio negócio pode ser realidade. Empresas de cosméticos também têm contratado profissionais desta área. Isso ampliou muito as possibilidades de atuação.

Seja qual for o modelo de negócios que escolherá, o Instituto Embelleze dará todas as condições para você tocar sua carreira. O Curso de Cabeleireiro do Instituto conta também com aulas de empreendedorismo para você sair ainda mais preparada e confiante.

Dica 5 – Hora de agir!

Inscreva-se no curso de Cabeleireiro Profissional Academy Hair do Instituto Embeleze, receba um certificado de formação profissional reconhecido em todo o território nacional e dê o pontapé inicial na sua carreira. Clique aqui e encontre a franquia mais próxima a você.

Tags

profissional da beleza, mercado de trabalho, renda mensal, instituto embelleze, curso de cabeleireiro

Comentários

Fique por dentro
Cadastre-se e receba as novidades!

Veja também ...

Alongamento Capilar - Conheça as técnicas
Poder transformar o look a qualquer hora é o sonho de todas nós, não é mesmo? Afinal, quem nunca cortou curtinho e quis voltar para o longo em um passe de mágica - sem ter que esperar um tempão para o cabelo crescer, é claro. Para satisfazer essa vontade incontrolável de transitar entre os fios longos e curtos, surgiram as técnicas de alongamento capilar, popularizadas como Mega Hair. Mas você sabe qual indicar para sua cliente? Todos os segredos sobre as 3 principais técnicas de alongamento você descobre aqui com a gente hoje! Alongamento com queratina O alongamento com queratina é uma das técnicas mais trabalhosas e que podem levar mais tempo para finalização do procedimento. Nesse método, finas mechas de cabelo do comprimento escolhido pela cliente são aplicadas uma a uma na raiz dos cabelos e fixadas com uma cola de queratina que não agride os fios naturais. Essa técnica é uma das que garante resultados mais naturais e duradouros. A manutenção do alongamento deve ser feita de 3 em 3 meses, quando os fios já terão crescido e, consequentemente, os apliques começam a ficar mais longe da raiz, indo para o comprimento do cabelo. Caso contrário a cliente pode começar a ter diversos problemas e danos na fibra capilar. Fazer a manutenção corretamente é o que garante a saúde dos fios naturais. Este método é o melhor para quem tem cabelos lisos ou ondulados e pouco indicado para as pessoas que fazem uso de chapinha ou secador diariamente, já que o calor pode danificar as cápsulas de queratina utilizadas para fixar as mechas colocadas. Também não é indicado para cabelos cacheados e crespos, que por causa de sua curvatura podem acabar embaraçando nas cápsulas de cola. Alongamento em tela Existem várias técnicas de alongamentos em tela, como a tique taque, interlace e o ponto americano. Todas essas técnicas consistem em trabalhar com a tela e todas tem as suas peculiaridades na realização do procedimento. O acabamento é invisível e o resultado super natural. Essa técnica é indicada para pessoas que possuem menos quantidade de cabelos. As extensões em tela podem ser aplicadas em qualquer parte do cabelo e precisam de poucos fios para que possam ser fixadas. Alongamento com Microlink O Microlink usa a técnica de prender as mechas finas de cabelo com anéis metálicos aos cabelos naturais, a cola é substituída e o procedimento não danifica os cabelos naturais. Os fios novos e os cabelos naturais não são colocados rentes à raiz, os cabelos são menos repuxados diminuindo assim a probabilidade de danificá-los. Como cria volume extra na raiz dos cabelos e não incomodam, costuma ter mais aceitação pelas mulheres que elegem esse tipo de alongamento se adaptam muito mais rápido a ele. Esta técnica pode ser utilizada em todos os tipos de cabelos, sejam eles, finos, grossos, lisos, ondulados ou cacheados. Além dessas técnicas, muitas outras estão disponíveis hoje no mercado. Você pode conhecê-las e tornar-se um profissional apto a aplicar qualquer método realizando o nosso curso de Especialização em Alongamento de Cabelos.
> Leia mais
Qual tipo de corte mais combina com o seu rosto? Descubra técnicas para identificar
Você já se imaginou com um corte Chanel, mas tem receio do seu rosto ser muito redondo e, consequentemente, não ficar bom? Vamos te ensinar algumas técnicas para você se sentir confortável e bela com seu novo visual. Saiba o formato do seu rosto Com algumas dicas você consegue chegar a uma conclusão sobre qual é o formato do seu rosto. Confira:       em frente ao espelho, puxe todo seu cabelo para trás, isso ajudará você ver o contorno do seu rosto até o início da raiz dos cabelos;       feito isso, observe a altura, largura da testa e a expressividade das sobrancelhas;       observe também a maçã do rosto, altura e largura do queixo. Agora é hora de avaliar qual perfil mais se enquadra com o seu. Isso será imprescindível para um corte incrível!  Rosto redondo             Com curvas evidentes na maçã do rosto, queixo e testa com traços arredondados e menores. Aposte nos médios e longos cortes! Além de trazer volume, ajudam a alinhar o rosto e dar movimento aos fios. Em franjas, opte por aquelas que podem ser usadas na lateral ou franjões. Rosto retangular Possui linhas mais retas nas regiões do queixo e testa, porém as maçãs do rosto não são tão evidentes. Esse tipo de rosto pode abusar de repicados e fios mais volumosos. Dentre os principais estão o Chanel Tradicional e Chanel de Bico, um pouco abaixo da linha do queixo. Rosto oval Curvas delicadas na região do queixo e a testa um pouco mais alta com boas evidências na maçã do rosto. Os cortes desfiados são as melhores pedidas para esse tipo de rosto. Isso porque ele não terá um grande volume na parte de cima da cabeça. Franjas curtas e retas também são uma boa pedida. Aproveitamos para lembrar que essa não é uma tarefa fácil, e identificar esses pontos pode ser o grande diferencial de um profissional. Quer aprender este e muitos outros temas? Acesse nosso site e se matricule no curso de Cabeleireiro Profissional!
> Leia mais
Copyright © 2021 · Todos Direitos Reservados