Experts    |    Eu, profissional    |    Tendências    |    Guia da Beleza
Voltar

Tendências

Fotos: Reprodução/ Instagram

Loiro ou castanho?

As duas tonalidades estão na moda, como mostram as atrizes Paolla Oliveira e Lucy Ramos, que mudaram o visual para a nova novela global A Dona do Pedaço. Veja como colorir ou descolorir sem estragar os fios

Escurecer o cabelo é sempre mais simples do que clarear — afinal, as bases marrons tendem a cobrir bem os tons da cartela de loiros. No entanto, para o resultado ficar perfeito e os fios, a salvo de danos, os dois processos exigem tempo e uma análise minuciosa do estado da fibra capilar. Se a estrutura estiver muito danificada ou porosa, é importante fazer uma hidratação prévia com produtos identificados como pré-colorantes, que promovem o fechamento das cutículas.
Cabelos porosos podem ficar manchados, pois algumas mechas absorvem mais o pigmento da coloração do que outras. Depois de colorir, é necessário selar a cutícula e neutralizar os resíduos oxidantes das tinturas. Os processos químicos desequilibram o pH e a estrutura interna dos fios. Os produtos pós-coloração contêm agentes umectantes, que devolvem a água perdida, evitam que a tinta se solte e prolongam a cor.

Entenda a seguir qual é o caminho ideal para ficar loira ou morena — e feliz!

DE LOIRO PARA CASTANHO

A atriz Paolla Oliveira deu adeus ao loiro e entrou na tendência chocolate amargo para viver a personagem Virgínia na próxima novela das nove A Dona do Pedaço (Globo), Os responsáveis pela transformação foram os cabeleireiros Getúlio Cruz, do salão C.Kamura Rio, e Marcos Padilha, do Lab. Duda Molinos.
Veja neste vídeo como ela anunciou aos fãs a sua morenice...

 

 

Como tingir

A cor chocolate amargo fica bem em peles claras, morenas e negras. Mas só um cabeleireiro profissional pode indicar a necessidade de uma mistura com outro tom ou uma técnica de iluminação (como a ombré) ou uma mudança na nuance de base para você conquistar a tonalidade da moda — ou a que mais vai valorizar a sua beleza.

Os fios pretos naturais têm uma pigmentação muito intensa, mas o chocolate amargo consegue dar uma boa cobertura, porque pega bem e também faz uma transformação mais sutil no visual.

Se o cabelo tem tintura preta, daí é preciso passar antes por uma decapagem. Porém, atenção: somente um profissional pode fazer o processo de forma segura para a saúde dos seus fios!

Cabelos claros, com menos pigmentos fixados na fibra capilar, podem ficar manchados por causa das falhas na fixação da cor nas mechas. Para não correr esse risco, o ideal é ir do claro ao escuro aos poucos, adotando um ou dois tons mais escuros que a nuance de base por vez. Uma solução para escurecer os fios de uma só vez, é a pré-pigmentação. Primeiro o cabelo recebe um pigmento fixador e depois é tingido com a tonalidade de castanho escuro.

Como manter a cor

Agentes agressores, como sol, secador, água quente e chapinha, avermelham e levar embora a cor do cabelo. Proteja os fios tingidos usando produtos com filtro solar na fórmula e que contenham ingredientes que seguram o tom. Os xampus antioxidantes são ótimos para devolver o brilho perdido.

Soluções para desbotamento

Quando o castanho estiver desbotando pela ação dos agentes externos, revive a cor com um tonalizante do mesmo tom da coloração permanente. O produto vai adiar o retoque por mais uns 15 dias.

O reflexo ficou alaranjado ou avermelhado? Para evitar, na próxima coloração, inclua tons frios, como cinzas ou mate.

Se o chocolate amargo deixar o seu visual meio apagado, use nas lavagens xampus e cremes que restauram o brilho. Um truque instantâneo é borrifar spray de brilho nos fios secos sempre que sentir a cor muito densa.

Destaque o cabelo castanho

Para isso, tire proveito da maquiagem... Os tons terrosos, do blush à sombra, são neutros e básicos para o dia a dia. Não tem como errar! Brinque também com as cores marrom, rosa e azul. O batom acobreado, vinho ou vermelho são ótimas opções.

 

lucy ramos loira
DE CASTANHO PARA LOIRO

O hairstylist Wilson Eliodorio, especialista em fios crespos e cacheados, é o mago do cabelo afro da atriz Lucy Ramos há um tempão. E ela entregou a ele a missão de radicalizar a cor de seus fios, mudando do castanho acobreado para o loiro mel. Tudo para entrar de corpo e alma no papel de Silvia, também da novela A Dona do Pedaço. Como adora cuidar do próprio cabelo e sabe bem do que os crespos precisam, Lucy explica que ainda faltam algumas etapas de coloração para que o loiro fique mais claro e atinja o tom ideal. Ela já declarou à imprensa: “Os fios crespos são muito sensíveis. Não dá para fazer tudo de uma vez, porque ou você chega na cor de uma vez e fica sem cabelo, ou demora um pouco mais e fica com o cabelo”. Vamos guardar a dica, né?

Veja neste vídeo como Lucy ficou lindamente loira...

 

 

Como tingir

Mais do que para qualquer outra coloração, a loira exige fios saudáveis e bem tratados. Nunca faça relaxamento, escova progressiva ou alisamento antes de um processo de clareamento. Tanto peles claras quanto escuras ficam bem de loiro. De modo geral, loiro acinzentado, bege, camomila e claríssimo cai como luva na pele branca; dourado, loiro-escuro e reflexos acobreados para morenas; e dourado e acobreado vão bem em negras.

Se o seu cabelo é virgem o processo de clareamento é mais fácil. Há a possibilidade de fazer uma descoloração gradual com tinta permanente loiro.

A descoloração (mix de pó descolorante com água oxigenada ou amônia) é indicada para fios que estão com pigmentos castanhos: é um clareamento power feito para que a tintura loiro “pegue” no cabelo.

Já quem tingiu o cabelo de preto precisará passar por uma decapagem, um método que retira a tintura antes de uma nova cor clara ser aplicada em vez de apenas clarear os fios. Ao remover a coloração antiga, a decapagem abre espaço no córtex capilar para que o fio possa receber a tonalidade mais clara.

Tudo isso realizado sob os cuidados de um profissional habilitado, como os capacitados pelo Instituto Embelleze, não há perigo. Mas se você cair em mãos erradas... pode ficar com as madeixas manchadas, fracas e quebradiças, sem falar que o enfraquecimento pode provocar a queda.

Como manter a cor

O sol não modifica tanto o aspecto da tintura clara quanto o das mais escuras. Mas, em compensação, o clareamento do cabelo sempre está associado ao processo de oxidação, um dos mais danosos para os fios. Se o cabelo não for bem tratado, ele perde força, elasticidade e maciez e resseca. Portanto, o ideal é usar e abusar de produtos com ingredientes altamente hidratantes e que evitam que o loiro desbote ou fique amarelado.

Soluções para desbotamento

Por mais que a raiz escura não seja mais um sinal de desleixo no cabelo loiro e, sim, um toque de modernidade, as loiras não gostam. Então, o jeito é retocar a raiz a cada 15 dias. O mais importante é que se utilizem os mesmos produtos e nuances para um resultado uniforme de cor. Em relação a comprimento e pontas, melhor só esticar a tinta quando os fios estiverem opacos ou amarelados, o que se faz, em média, a cada três meses. Caso contrário, as pontas ficam fragilizadas e podem se romper.

Se os fios ficarem verdes, pelo uso de piscina, e faltar algum tempo para retocar, use um tonalizante da cor mais próxima à sua. Para prevenir o efeito esverdeado, antes de nadar, aplique um creme protetor com silicone nos fios.

Destaque o cabelo loiro

Para isso, tire proveito da maquiagem... Abuse do rímel e contorne os olhos com lápis preto esfumado. Esse truque ajuda a aumentar o contraste com o loiro, principalmente se os olhos forem castanhos. Para colorir e ressaltar os olhos, invista nos tons de sombra marrom, bege, rosa, verde, cinza e prata. Gloss ou batom rosa-pálido resolvem a boca com classe no dia a dia. Pó com efeito bronzeador deixa o rosto em sintonia com o brilho do cabelo. Pode usar, especialmente à noite.

 

Outras famosas que também radicalizaram o visual

giovanna lancellotti loira     monica iozzi loira

As atrizes Giovanna Lancellotti e Monica Iozzi transformaram as longas madeixas castanhas em loiro claríssimo!



Tags

loiro, castanho, coloração, cabelo, tendência, inverno, cabeleireiro profissional, cabeleireiro, cabelo crespo

Comentários

Fique por dentro
Cadastre-se e receba as novidades!

Veja também ...

Delineado gatinho em 5 lições
A sensação nas semanas de moda outono-inverno de Paris foi o make colorido nos olhos das modelos. O diretor de criação e imagem da linha de maquiagem Dior, Peter Philips, foi um dos responsáveis pela tendência. Ele trabalhou com delineador rosa, amarelo, vermelho, verde e azul nas pálpebras superior e inferior, bem rente aos cílios. No fashion week de Milão, a maquiadora Pat McGrath também causou frisson para a grife Prada, criando um traço gráfico e ousado, valorizado por pontos de brilho. A ideia é deixar o visual alegre nos dias mais cinzentos da próxima temporada. Além dos grafismos e dos traços que se limitam ao contorno nos olhos, o delineado gatinho também é uma opção. O desenho foi popularizado nas décadas de 50 e 60 por divas do cinema americano, como Audrey Hepburn, Sophia Loren e Brigitte Bardot, e eternizado pela moda. De tempos em tempos ele é exaltado como tendência, o que está acontecendo agora. Se você ainda não domina a técnica do gatinho e tem dúvida sobre o tipo de delineador ideal, aprenda estas lições e veja como desenhar passo a passo!     LIÇÃO 1 - ESCOLHA O DELINEADOR Caneta: ainda não tem prática e está na fase iniciante do delineado? Invista num delineador-caneta. Ele tem um formato que dá firmeza na hora de manuseá-lo, o que é essencial para desenhar o gatinho. A ponta é fininha e mais durinha, na medida certa para o delicado contorno, e a tinta já sai diretamente por ela. Truque: na hora de usar a caneta, deite-a paralelamente à pálpebra, na posição horizontal, quase encostando-a na pele. Isso facilita a aplicação e evita que o delineado fique tremido. Você pode ir “carimbando” a pálpebra com a lateral da caneta, formando o traço, em vez de desenhar a linha com a ponta. Líquido: é o tipo mais difícil para quem está começando, pois demora um pouco para secar, aumentando o risco de borrar. Além disso, exige maior precisão no manuseio. O pincel aplicador é fininho e resulta em uma forte intensidade de cor. Gel ou creme: ele vem em pote, como se fosse uma sombra cremosa, e necessita de um pincel de maquiagem específico para ser aplicado — pequeno e chanfrado, sendo o corte diagonal na ponta; também pode ser usado um pincel fino para acabamentos. O delineador gel ou creme é fácil de ser aplicado, mas requer prática. Uma dica: se você achar que o tom está fraco, reforce o traço e intensifique a cor com o delineador líquido. Sombra: a sombra em pó misturada com um pouco de água ganha densidade e cor intensa, fazendo as vezes de delineador. Precisa ser aplicada com pincel fino cortado na diagonal. Não é difícil traçar com a sombra, mas requer treino e habilidade. É um recurso muito usado por maquiadores profissionais.   LIÇÃO 2 - SEJA PACIENTE Está apressada? Então nem tente fazer o delineado. Especialmente no início é preciso ter tempo, paciência e disposição. E não invente muita história na hora de desenhar: faça o bom e velho gatinho ou imite o amendoado, criando um traço mais fino no canto interno e mais espesso no externo do olho (como fez Peter Philips para Dior). Detalhe: nunca faça o traço de uma só vez. O ideal é começar o delineado pelo meio da pálpebra até o cantinho externo. Depois volte ao meio e siga para o canto interno.   LIÇÃO 3 - TENHA A MÃO FIRME É essencial ter firmeza na mão ao usar o delineador — de qualquer textura ou tipo. Não dá para tremer! O ideal é você escolher uma posição confortável para a maquiagem, procurando se sentar e apoiar os cotovelos numa superfície. Ajuste-se também em relação ao espelho: se ele estiver de frente para você, puxe levemente a pele do canto do olho para mantê-lo fechado e, assim, enxergar o que está fazendo. O espelho colocado na altura do seu queixo ajuda a enxergar melhor o trabalho, pois ao olhar para baixo a pálpebra se fecha naturalmente, mas não totalmente. LIÇÃO 4 - TREINE, TREINE, TREINE A melhor maneira de aprender a usar o delineador sem medo (e sem erro) é praticando a aplicação — e muito! Não se iluda, porque não dá pra sair delineando de primeira apenas lendo sobre o assunto ou assistindo a tutoriais. Tem que por a mão na massa! Existem vários truques pra você usar enquanto estiver treinando e, dessa forma, ir adquirindo experiência para o delineado perfeito. Veja só: Corte um pedaço pequeno de fita adesiva (2 a 3 cm) e retire um pouco a cola grudando-a uma ou duas vezes no dorso da sua mão (para não machucar a pele fina da região do olho. Agora, com a fita na diagonal, apoie uma ponta dela logo abaixo dos cílios inferiores, tomando cuidado para livrar os pelos, e alinhe a outra ponta com o final da sua sobrancelha. Assim, você forma um ângulo perfeito para o traço gatinho, que tem uma linha alongada no final. Em vez de aplicar o delineador num traço contínuo, passe-o fazendo pequenos tracinhos e sem colocar força no aplicador. Você também pode fazer alguns pontinhos em toda a extensão do desenho e depois vir com o pincel apenas ligando esses pontos. Você pode também fazer primeiro o traço com um lápis e depois passar o delineador por cima. Nunca puxe o canto externo da pálpebra com o dedo quando for fazer o traço inicial do delineador, pois você perde o formato do olho e a noção do desenho. LIÇÃO 5- APRENDA A FAZER O DELINEADO GATINHO O segredo é começar o delineado pelo centro da pálpebra, aplicando o produto com o pincel deitado até o final do contorno externo do olho (se você estiver usando a fita adesiva, o traço deve terminar nela). Esse traço inicial é fino, engrosse-o aplicando uma segunda camada de delineador. Em seguida, usando a ponta do pincel, contorne o restante da pálpebra, do canto interno para o centro, uniformizando o traço em toda a pálpebra. Mas essa linha interna deve ser fininha, pois no delineado gatinho o traço começa fino no canto interno e termina mais grosso no externo. Agora faça o risco que vai definir o gatinho. Marque-o no canto externo do olho em direção à sobrancelha. O tamanho desse traço não é muito longo nem muito curto. Se você estiver usando a fita adesiva, basta aplicar rente a ela. Junte o início do gatinho com o final do delineado de contorno, aplicando o pincel de fora para dentro. Enquanto estiver aplicando o delineador, dê sempre uma olhada no resultado para ir uniformizando o traço. O segredo para o delineado sair perfeito é ter mão leve. É preferível você adicionar camadas de produto aos poucos em vez de ter de tirá-las depois.    DICAS DE PROFISSIONAL Se os seus olhos são pequenos, não delineie o olho inteiro, pois isso deixa a aparência ainda menor. Você pode passar delineador colorido sobre a pálpebra com sombra. Ele proporciona ainda mais vida aos pigmentos brilhantes. Se fizer um delineado expressivo rente aos cílios superiores, deixe a parte de baixo sem nada para não dar a impressão de olhos caídos. O delineador é sempre aplico depois da sombra e antes da máscara para cílios. Que tal se tornar uma expert em maquiagem e dominar esta e muitas outras técnicas? Invista no curso profissionalizante do Instituto Embelleze e prepare-se depois para colher os frutos do sucesso!  
> Leia mais
Tranças da moda: as tendências para 2019
As tranças sempre estiverem presentes no universo da beleza feminina. Na infância, quem nunca foi pra escola com trancinhas no cabelo? Tudo começou com a trança simples, feita com três mechas do cabelo, mas, com o passar dos anos, a influência de diferentes culturas e da moda acabou popularizando novas versões e, atualmente, não faltam modelos interessantes e lindos! Há várias temporadas de desfiles nacionais e internacionais, especialmente de verão, os estilistas e hairstylists têm apostado nas tranças para compor os looks — e neste verão 2019 não foi diferente. As semanas de moda trouxeram o penteado de forma criativa, em versões naturais, fake (para misturar com o cabelo natural), afro, minimalista, enfeitadas com contas... Como fazer as tranças da moda Trança lateral: romântica, fica bem até para noivas Foto: Reprodução/Pinterest Pegue uma parte do cabelo do topo da cabeça (franja e lateral direita, bem acima da orelha) e divida-a em três mechas. Comece a trançar assim: cruze a mecha da direta para baixo da mecha do meio e cruze a mecha da esquerda por baixo da mecha da direita. Pegue uma nova mecha do lado direito da cabeça, incorpore-a à mecha da direita e cruze-as juntas por baixo da do meio. Repita o procedimento até trançar todo o cabelo, lembrando que essa trança precisa terminar do lado esquerdo da cabeça, sob a orelha. Portanto, você tem que trançar na diagonal. Ao final prenda com um elástico.   Estilo boxeadora: moderna, vai bem na balada e em eventos descontraídos Foto: Reprodução/Pinterest Divida o cabelo lateralmente (também pode ser ao meio), deixando a risca bem visível. Comece uma trança de raiz desde a franja, alinhando a trama na altura do arco da sobrancelha. Continue cruzando as mechas de como a criar um efeito de trança embutida. Da altura da nuca até as pontas, faça um atrança comum. Prenda com elástico de silicone. Repita o processo do outro lado.   Trança central com coque: ousada e elegante, é uma opção para formatura e casamento Foto: Reprodução/Pinterest Divida o cabelo ao meio passando o pente verticalmente da testa em direção à nuca. Segure as duas mechas que se formaram com piranhas. Agora pegue uma mecha fina nas margens da risca central, na parte de trás da cabeça e faça uma trança de raiz até a altura da nuca. Prenda com um elástico de silicone preto ou transparente. Penteie o restante do cabelo para trás e torça as mechas, juntando-as com a ponta da trança, na linha da nuca até formar um coque baixo, bem despojado. Prenda com grampos.   Trança cornrows: estilosa, para qualquer ocasião Foto: Reprodução/Pinterest Essas trancinhas podem ser feitas em mechas finas ou médias de cabelo, como você desejar. A dica é começar a trançar pela mecha lateral próxima à orelha e ir subindo até trançar o cabelo todo. Para compor o visual da moda, faça as trancinhas bem próximas umas das outras, deixando o couro cabeludo à mostra. As tranças são rasteiras: passe a mecha da direita embaixo da mecha do meio e a da esquerda também embaixo da mecha do meio e prossiga assim até o fim. Você pode enfeitar as trancinhas com contas e variar a finalização como quiser.   Estilo Boho: perfeita para o dia e a noite Foto: Reprodução/Pinterest Inicie o penteado dividindo o cabelo ao meio — faça uma risca até a nuca. Prenda um dos lados com elástico enquanto trabalha o outro. A trança deve ser feita a partir da parte de trás da nuca, bem apertada, num trançado simples.    Vantagens do penteado com trança Além de dar uma boa repaginada no visual, a trança pode ser feita em qualquer tipo de cabelo — do liso e fininho ao crespo ou afro, mas desde que tenha um certo comprimento, claro! Mas talvez a vantagem maior seja não precisar preparar o cabelo antes do penteado, ou seja, você pode mexer nos fios do jeito que eles estiverem: sujos, limpos, com ou sem finalizador... Há até um benefício em fazer trança no cabelo mais pesado: o penteado fica no lugar com mais facilidade e os fios são ais moldáveis. Apenas uma boa escovação para eliminar pequenos nós e emaranhados é suficiente.  Dicas para iniciantes Quando você estiver aprendendo a trançar o cabelo, procure treinar em alguém e não em você mesma.  Dá para treinar até em cabelo de boneca! O que faz do cabeleireiro um bom trançador é a prática. Tenha por perto os seguintes acessórios para descomplicar a tarefa: uma escova, para desembaraçar o cabelo antes; pente fino, para separar ou dividir as mechas; grampos, no caso de elaborar uma trança com coque; elástico pequeno e transparente, de silicone, para prender a ponta da trança (fica imperceptível); elástico comum, para prender rabo de cavalo antes da trança. O finalizador mais indicado para penteados com trança é o spray fixador, que como o próprio nome já diz, fixa os fios no lugar e assegura que o look fique perfeito por um longo período. O cabelo tende a ficar com fiozinhos arrepiados depois da trança pronta? Dê um fim no frizz passando no cabelo um pouco de óleo de argan e depois trance-o.   A clássica trança embutida ou de raiz Todo mundo que começa a fazer trança tem o desejo de aprender a elaborar a clássica trança francesa (ou embutida). Ela é sempre o próximo nível para quem já tem habilidade para fazer o penteado simples, com três mechas.  Vale a pena aprender a trança embutida muito bem, porque é um modelo que vai bem em qualquer ocasião — do dia a dia à festa —, nunca sai de moda e serve de ponto de partida para lindas variações.  Passo a passo Penteie o cabelo e separe a parte de cima (topo da cabeça) Divida essa parte em três mechas iguais Cruze a mecha da direita sobre a do meio Cruze a mecha da esquerda sobre a do meio Pegue uma nova mecha do lado direito da cabeça e incorpore-a à mecha da direita, cruzando-as juntas sobre a mecha do meio Repita o procedimento do lado esquerdo Continue até que todo o cabelo esteja incorporado à trança Ao chegar na altura da nuca, trance o cabelo normalmente até a ponta Prenda com um elástico pequeno   Quer aprender mais sobre penteado e ser um cabeleireiro de sucesso? Inscreva-se no curso de Cabeleireiro Profissional do Instituto Embelleze e arrase!          
> Leia mais
Copyright © 2019 · Todos Direitos Reservados