Experts    |    Eu, profissional    |    Tendências    |    Guia da Beleza
Voltar

Barbearia

Fotos: Shutterstock

COMO SE BARBEAR CORRETAMENTE

Sim, tem segredo para ganhar uma pele lisinha e perfeita ao se barbear. Siga as dicas e o passo a passo!

Um ato tão corriqueiro para os homens, como o barbear, pode se tornar pesadelo quando surgem inflamações, ardência, irritação e pelos encravados no pós-barba. Ninguém merece! Mas dá para evitar todos esses incômodos se você se munir das ferramentas certas e do ritual que prepara a pele para a navalha ou a lâmina. O instrutor Emerson Ferreira, do Instituto Embelleze de Brasília (DF), dá todas as dicas. Acompanhe!

Comece com a limpeza da pele

Não, não pule esta etapa! Não é bobagem nem perda de tempo. É que ao lavar o rosto (de preferência com um xampu próprio), a gordura da pele, juntamente com a sujeira, é eliminada o que evita inflamações. E não é só: essa limpeza já suaviza e hidrata os pelos da barba, preparando-os para serem eliminados mais facilmente. No enxágue, use água morna para ajudar a dilatar os poros.

Aplique creme de barbear

“Embora exista creme e espuma, eu prefiro o gel de barbear, pois acho que ele permite um deslize melhor da navalha sobre a pele, evitando cortes”, diz Emerson. Seja qual for a sua escolha, não ignore esse passo, pois é o produto que vai proteger a sua cútis de eventuais danos na hora de passar a lâmina para arrancar os rígidos pelos da barba. Estima-se que são cortados até 25 mil pelos ao barbear e o corte rente sem proteção pode provocar, no mínimo, irritação, ok?

Escolha navalha ou lâmina

Se você não sabe se barbear com navalha ou nunca tentou, esqueça e invista numa boa lâmina. É que o corte dela é poderoso e, por isso mesmo, o risco de se cortar é grande. Então, deixe para se submeter ao primoroso acabamento a navalha na barbearia, sob os cuidados de um profissional. Em relação à lâmina, escolha uma que se adapte melhor ao seu rosto e cuide bem do aparelho. Não use os que estão sujos ou desgastados, pois oferecem maior risco de falhas, cortes e irritação. Como saber se a lâmina está adequada? Fácil: se você não tiver que forçar as passadas para tosar os pelos nem sentir puxões ou desconforto, não precisa trocá-la.

Faça o corte perfeito

Passar a lâmina no sentido do crescimento dos fios evita a irritação da pele e o risco de encravamento dos pelos, porém não é eficiente no quesito efeito de pele lisinha e suave. Se você faz questão de um barbear rente, faça então a barba no sentido contrário ao crescimento.

Analise primeiro em que direção o pelo cresce esfregando sua mão no rosto. A direção que oferecer resistência indica o sentido contrário ao crescimento do pelo. Depois, lave o rosto com água morna e aplique o gel ou o creme de barbear. Aguarde três minutos para os fios amolecerem e, daí, passe a lâmina primeiro no sentido do crescimento. Reaplique o gel e raspe novamente, agora no sentido contrário.

Use pós-barba

Para ajudar a pele a se recuperar da agressão da lâmina, aplique no rosto limpo um hidratante pós-barba. Não é frescura! Ele ajuda a reparar o tecido, formar uma película protetora, amaciar a pele e prevenir inflamações. 

 

 

barbear da pele sensívelBARBEAR DA PELE SENSÍVEL

Especialmente quem faz a barba todos os dias acaba desenvolvendo a sensibilidade da pele, devido ao atrito da lâmina. O resultado é ardor e bolinhas avermelhadas. A solução é se munir de produtos para pele sensível e, antes de se barbear, fazer uma compressa com toalha quente para amolecer bem os pelos e facilitar o corte. Depois aplique a espuma ou o gel normalmente. Escolha um aparelho de barbear com lâminas bem juntas para ajudar a reduzir a pressão e, assim, provocar menos irritação na pele. Procure raspar com movimentos leves e suaves, sem imprimir força, e passe a lâmina no sentido do crescimento do pelo. Só raspe no sentido contrário nos pontos em que os fios estão aparentes ou espetando. Deixe para barbear a região ao redor do lábio por último para que dê tempo de os pelos ficarem de “molho” na espuma ou no gel de barbear, enfraquecendo assim os fios. Terminada a tarefa, enxágue o rosto com água fria, seque-a suavemente e use uma loção pós-barba calmante.

 

Para saber mais sobre como se barbear e outros cuidados com a beleza masculina, como modelagem e designer de barba, aparo de pelos faciais, cortes de cabelo e muitos outras técnicas de transformação, faça o curso Barbeiro Academy Hair. O barbeiro formado pelo Instituto Embelleze também será capaz de conhecer informações sobre o mercado, excelência em atendimento ao cliente e como montar sua própria barbearia.

 

Tags

barba, barbearia, barbeiro profissional, curso de barbearia, instituto embelleze

Comentários

Fique por dentro
Cadastre-se e receba as novidades!

Veja também ...

APRENDA A REDUZIR O VOLUME DO SEU CABELO
O volume depois de uma noite de sono não é uma aparência característica só dos cabelos crespos. Lisos, cacheados e ondulados também sofrem com os “fios com vida própria”. Ter que perder tempo arrumando o cabelo pela manhã para deixá-lo com um visual melhor durante o dia não é algo que a gente coloca na agenda. Aliás, não podemos esquecer que tem também o efeito reverso. Tem dias que você acorda com o cabelo perfeito e, de repente, é como se um furacão tivesse passado sobre a sua cabeça. Lá está a jubinha armada em plena a luz do dia, com plateia e tudo. Se você se identificou ou tem alguma cliente que reclama da mesma condição, preste atenção neste segredo: Misuke Gloss Redutor Salon Embelleze, uma técnica de efeito liso natural com redução gradativa de volume. Como aplicar Misuke Gloss Redutor O primeiro passo é a aplicação do Primer Capilar da linha Nutri Salon, que irá agir como um desmineralizador, eliminando o excesso de minerais e preparando para melhor absorção. Após borrifar sobre os fios, recomenda-se deixar agir por 10 minutos. Em seguida, é hora de enxaguar e lavar os cabelos com o Pré-shampoo Misuke. Na cadeira, retire cerca de 80% da umidade dos fios com o secador. Para facilitar a aplicação do produto, divida o cabelo em partes e aplique o Misuke Gloss Redutor mecha a mecha, alinhando os cabelos sem sobrecarregar os fios e pausando em seguida. O tempo médio de ação do produto é de 15 a 30 minutos em cabelos finos e oleosos, podendo variar de acordo com a espessura do cabelo. Na sequência, enxague e elimine o excesso de produto, evitando que os fios fiquem pesados.Antes da secagem, aplique uma pequena quantidade de Misuke Antiumidade nas mãos e espalhe pelos fios, ele agirá como protetor térmico. Finalize com escova e prancha.Importante: em cabelos grossos ou cacheados é recomendado escovar e pranchar mechas bem finas, até 15 vezes cada, em temperatura acima de 210°C antes do enxágue. Finalize com escova e prancha novamente.   Viu como é fácil? Tudo é feito rapidinho com ajuda de um profissional experiente para realizar a aplicação e domar o volume dos fios. Quer aprender mais técnicas geniais como esta? O Instituto Embelleze ensina! Consulte todos os cursos pelo site ou procure a unidade mais próxima.
> Leia mais
Os melhores truques de maquiagem para disfarçar imperfeições
Toda mulher, ao se maquiar, quer se sentir mais bonita e jovem, além de exibir um rosto iluminado, com um tom de pele uniforme. E, claro, também quer disfarçar os pontos que desvalorizam a beleza, como olheiras escuras, testa grande, nariz largo, papada... Quando não trabalhados, ou da forma errada, podem colocar o visual a perder, por mais incrível que esteja o make. Para conseguir um efeito impecável, basta lançar mão de truques de maquiagem poderosos. A seguir, confira as dicas para disfarçar imperfeições. Problema  - Olheiras escuras De acordo com Stefany Barros Ribeiro, instrutora do Instituto Embelleze Goiânia-Campinas (GO), geralmente a região das olheiras tem, por natureza, três pigmentações: fundo de cor arroxeada/azulada, avermelhada ou amarronzada, dependendo do tom de pele de cada pessoa. Stefany conta que, nesse caso, o truque de maquiagem deve seguir os princípios da colorimetria. Para isso, basta usar o círculo cromático, ou seja, as cores complementares que estão opostas na circunferência cromática universal – elas conseguem se anular quando colocadas juntas. Solução – “Para disfarçar o tom arroxeado da pálpebra inferior, a cor ideal do corretivo é o amarelo; e se a olheira tiver uma tonalidade azulada, o produto ideal para corrigir deve ser laranja, puxando para o coral”, explica a professora. “Para as peles morenas, o corretivo mais indicado é o laranja ou o salmão”, ensina Stefany. Na prática: o certo é usar o corretivo antes da base para já neutralizar o tom da cútis. Depois, aplique a base e, na sequência, siga o processo normal de preparação da pele. Anote outros truques preciosos... Finalize com um corretivo natural. Mesmo tendo disfarçado a cor da olheira com o corretivo colorido, passe a base, finalize a correção da pele aplicando um pingo de corretivo da cor exata da sua pele e espalhe dando leves batidinhas com o dedo. Mas não arraste o produto, deposite-o dando as batidinhas para garantir um efeito mais natural e duradouro, em direção à raiz dos cílios e ao ossinho das maçãs do rosto. Prefira a versão líquida dos corretivos. Os cremosos e em bastão geralmente têm uma consistência mais grossa que tende a deixar as linhas de expressão ainda mais evidentes, tendo efeito contrário, já que a ideia é disfarçar os sinais. Super truque de maquiagem, não é mesmo? Para saber a quantidade certa de produto. Aplique o corretivo aos poucos e vá observando o resultado da camuflagem, se a região continuar destoando do tom do rosto, siga em frente e adicione mais um pouquinho, sempre com cuidado para não extrapolar na quantidade. No caso de notar a região muito marcada, vá com calma e se for preciso retire levemente um pouco do produto, pois isso indica que a cobertura está exagerada. Pó translúcido para finalizar. Dê uma selada na cobertura com pó translúcido solto sem cor, aplicado com um pincel pequeno e fofo (depois de tocar o pó com o pincel, retire o excesso de produto na palma dão mão antes de levá-lo ao rosto para evitar exageros, aplique na região das olheiras e maçãs do rosto). Esse truque de maquiagem além de deixar o resultado mais natural garante um efeito duradouro, sem precisar de retoques.   Problema - Papada O volume embaixo do queixo pode ser hereditário ou consequência de ganho de peso. Seja qual for a origem, sim, é possível tornar essa região menos visível só com truques de maquiagem. Solução – “O disfarce mais indicado é um contorno com pó ou base com dois tons mais escuros que a cor da pele. Utilizando um pincel próprio para esses produtos, realce a linha da mandíbula fazendo um contorno de orelha a orelha, caprichando embaixo do queixo”, ensina Stefany. O truque de maquiagem disfarça bem o volume excessivo da região. Ah, não se esqueça de finalizar esse efeito com um pó compacto ou translúcido (conforme sua preferência) da cor da sua pele para dar o acabamento natural.   Problema  - Manchas Elas podem ser crônicas, como o melasma (escuras e geralmente na testa, nas bochechas e no buço); tipo rosácea, uma disfunção de melanina que deixa a tez com um tom rosado; ou temporárias, como espinhas, cravos e cicatrizes recentes de acne. Solução – O truque de maquiagem para a camuflagem das manchas segue o mesmo princípio do disfarce das olheiras: neutralizá-las com o corretivo certo. Sendo assim, o primeiro passo é identificar o tipo de mancha. Manchas avermelhadas (rosácea, espinhas) - Podem ser escondidas com um corretivo verde. Manchas arroxeadas (hematomas ou vasinhos aparentes) - São amenizadas com corretivo amarelo. Manchas marrom (melasma) - A cor-chave do corretivo para disfarçar é o amarelo. Manchas amareladas (origem diversa) – Neutralize com corretivo lilás. Manchas acinzentadas (processos cicatrizantes) – Podem ser camufladas com corretivo na cor salmão, que funciona divinamente nas peles claras. Nas peles mais morenas e negras, o mesmo problema pode ser disfarçado com um corretivo salmão intenso, puxando para o laranja.   Pele uniforme e luminosa Depois de aplicar o corretivo ideal, use uma base no rosto inteiro. Em seguida, por cima de cada mancha camuflada, coloque um pingo de corretivo da cor exata da pele (com a ponta do dedo, em leves batidinhas). Isso vai uniformizar ainda mais o tom da cútis. Para dar o acabamento, sele todas essas camadas de base e corretivo com um pó translúcido solto, transparente, que precisa ser espalhado suavemente com um pincel bem fofo. O top maquiador Marcos Costa (SP) tem um truque de maquiagem superútil para evitar o excesso de produtos corretivos de pele. “Se alguém elogiar sua base, corra e lave o rosto! O que tem de aparecer é o resultado sutil da maquiagem bem-feita e não o produto”, enfatiza o expert.   Problema - Rugas Esse é o terror de nove entre dez mulheres. As rugas pesam o semblante e são (sim!) sinônimo de uma aparência envelhecida. Mas como para tudo tem um jeito, a dica de ouro aqui é evitar o exagero de make e optar por texturas leves; caso contrário, base e corretivo ficarão acumulados nos vincos realçando ainda mais o problema. Socorro, nem pensar! Solução – “Evite alguns tipos de produtos, como bases muito secas e de alta cobertura. Cosméticos mais emolientes, que trazem sensação de hidratação e com cobertura (textura fluida), são os mais indicados. Um leve efeito cintilante também ajuda a disfarçar os sinais pela ilusão de ótica que promove”, pontua Stefany, do Instituto Embelleze. “Para selar a pele, escolha um pó solto (jamais um pó compacto), pois ele é fino e favorece um acabamento mais leve”, ensina Stefany, que também enfatiza a importância da hidratação da pele, tanto no dia a dia quanto um pouquinho antes de começar o make. “Quem tem mais linhas de expressão, geralmente possui a pele seca e sem viço e mantê-la hidratada pode amenizar essa característica”, justifica a expert.    Problema - Rosto largo, bochechas grandes, testa grande ou nariz “batatinha”. Todas essas regiões têm uma característica em comum: formação óssea proeminente. De acordo com a instrutora do Instituto Embelleze Goiânia-Campinas, o truque de maquiagem para disfarçá-las e tornar o rosto mais harmônico é trabalhar o contorno dessas áreas com pó compacto ou base com dois tons mais escuros que a cor natural da pele. Solução – “Geralmente o rosto largo tem a mesma proporção entre as laterais da testa e a mandíbula, nesse caso aplicamos o contorno nessas extremidades para disfarçar o desenho largo e quadrado. Para amenizar o volume das bochechas, o contorno deve ser aplicado na cavidade baixa das maçãs em direção à linha da boca, o que dá profundidade à região e, assim, disfarça o problema”, entrega Stefany. Já a testa grande é facilmente suavizada com este truque de maquiagem: faça o contorno mais escuro nas têmporas e laterais da testa em direção ao cabelo – tudo muito sutil. O “nariz batatinha” pode parecer mais arrebitado e fino, aplicando o pó escuro nas laterais, com um pincel de sombra, indo desde o canto interno da sobrancelha até a base da narina. Para afinar o nariz inteiro, é só passar o pó escuro também na pontinha do nariz e esfumar bem. Feito isso, aplique um iluminador na linha central (ossinho) do nariz, mais ou menos do meio até a ponta. Agora que você já virou uma expert nesses truques de maquiagem, que tal aprimorar a sua habilidade num curso de maquiagem profissional? Você pode usar os seus conhecimentos em você mesma, nas amigas, como empreendedora e dona do próprio negócio de maquiagem! Informe-se sobre a capacitação em uma das unidades do Instituto Embelleze, que tem várias histórias de sucesso — uma delas pode ser a sua!
> Leia mais
Copyright © 2020 · Todos Direitos Reservados