Experts    |    Eu, profissional    |    Tendências    |    Guia da Beleza
Voltar

Make

Shutterstock

AS MELHORES TÉCNICAS PARA FAZER AS SOBRANCELHAS

A beleza do rosto está nas sobrancelhas, que são capazes de mudar completamente a aparência de uma pessoa dependendo do design. Conheça aqui as melhores técnicas para fazer as sobrancelhas

Como todos os outros elementos do rosto não são facilmente remodelados como as sobrancelhas, elas têm o papel de manter a harmonia e valorizar a face. Por isso, uma sobrancelha bem-feita chama tanto a atenção. Ao contrário de uma sobrancelha mal desenhada, que pode afetar toda a beleza do rosto.

Outro detalhe importante: as sobrancelhas crescem muito rápido, o que requer a atenção de um profissional para a limpeza dos pelos e a modelagem. Embora pareça uma tarefa simples, na qual muitas mulheres se arriscam a fazer em casa, exige muita técnica e conhecimento. Se um pelo é retirado a mais, todo o trabalho pode ser destruído e falhas notáveis podem surgir.

Antigamente, as mulheres buscavam o auxílio de um profissional apenas para a limpeza da sobrancelha. Com o passar do tempo, notaram a necessidade de redesenhar a sobrancelha de acordo com o formato do rosto. Foi assim que surgiu o designer de sobrancelhas profissional, especializado para avaliar e desenhar as sobrancelhas com base no perfil de cada cliente, com foco na profundidade do olhar. Nesse serviço, são avaliadas as proporções do rosto, conservando as características naturais para que o resultado final não pareça artificial.

Hoje em dia, não são só as mulheres que querem ter sobrancelhas perfeitas, os homens também estão interessados em conquistar uma aparência mais bonita com as técnicas de design da sobrancelha. Não é à toa que essa é uma das profissões que mais tem crescido nos últimos tempos, podendo ser exercida em salões de beleza e de estética e também a domicílio.

E sabe o que mais os clientes procuram em um designer de sobrancelhas? Alguém que domine todas as técnicas existentes no mercado e que possua um olhar visagista, para analisar todo o conjunto da face e identificar o que é melhor para cada um.

 técnicas para fazer as sobrancelhas

AS MELHORES TÉCNICAS PARA FAZER AS SOBRANCELHAS

As principais técnicas utilizadas atualmente são: pinça, correção com henna, depilação com linha egípcia ou cera. Fizemos um post exclusivo sobre a depilação com linha que mostra direitinho o passo a passo desse método tão requisitado. Dá uma conferida! A correção com henna também é muito procurada por clientes. Para começar, é bom saber que a henna não é definitiva, dura cerca de quinze dias e pode fixar melhor em algumas pessoas do que em outras. Essa é uma técnica simples de aplicar e indicada para quem está insatisfeita com o formato das sobrancelhas, por serem muito finas, com falhas, ralas ou curtas.

Na aplicação da henna, alguns cuidados são necessários, como:

  • Retirar o excesso de pelos e, se necessário, apará-los com uma tesoura.
  • Realizar a higiene das sobrancelhas com um produto adequado.
  • O uso de um fixador, misturado ao restante dos componentes.
  • A aplicação pode ser feita com um pincel chanfrado ou palito de plástico.
  • O excesso do produto deve ser limpado imediatamente para evitar manchas.
  • O produto deve secar por 20 minutos e ser retirado com um algodão umidecido em água mineral.

 

A maquiagem certa é essencial para valorizar o olhar e deixar as sobrancelhas ainda mais bonitas. Quer aprender como se maquiar profissionalmente? Dá só uma olhada aqui no que você pode aprender com o Instituto Embelleze.

 

Tags

sobrancelhas, designer de sobrancelhas, curso profissionalizante

Comentários

Fique por dentro
Cadastre-se e receba as novidades!

Veja também ...

20 looks masculinos para casamento
É verdade que o universo casamento prioriza a noiva. É uma infinidade opções de vestidos, arranjos, véus, joias, calçados e referências para cabelo e maquiagem. Mas graças à expansão do mercado de beleza masculina, o cenário está mudando... Segundo dados da Euromonitor International, o crescimento do setor nos últimos 5 anos cresceu 30%. Só as vendas de cosméticos para homens cresceram 70% no Brasil, o que coloca o país em segunda posição no ranking de vendas mundiais — ficando atrás apenas dos Estados Unidos. A tendência grooming, um termo em inglês para cuidados pessoais, tem sido usada para definir o comportamento masculino nesses últimos anos: o chamado men’s grooming. O ponto central na preocupação com a aparência deles é a moda da barba, que trouxe mais estilo e personalidade para muitos. Até as novelas já incorporaram a barba para dar mais atitude a alguns personagens (já viu os atores Rodrigo Simas, Renato Góes e Carmo Della Vecchia em Órfãos da Terra, da Globo?). E é justamente o uso da barba pelo homem moderno também o responsável pelo resgate das barbearias antigas, que tomaram conta do mercado. Além dos serviços tradicionais, como corte de cabelo e barbear, elas oferecem cuidados para pele, sobrancelhas, unhas, corpo e a venda de cosméticos, em ambientes inovadores, dedicados especialmente para o público masculino. Essa oferta de novos tratamentos garante que mesmo quem não tem barba ou bigode seja um cliente em potencial. As barbearias antenadas já estão divulgando, inclusive, o Dia do Noivo, para sugerir modelos de barba, bigode e cabelo mais harmoniosos para o grande evento. Precisando de inspiração para recomendar o melhor para o seu cliente ou para você mesmo? Veja a seguir 20 looks masculinos para casamento! Dia do noivo Antes de fazer qualquer mudança no visual, cuide para não desrespeitar o seu estilo e gosto pessoal. A pior coisa é ficar incomodado com a aparência num dia tão importante. Não existem regras sobre como o homem deve usar o comprimento da barba em relação ao cabelo. Tudo vai depender do estilo que ele quer fazer: rebelde, clássico, moderno, roqueiro, grunge, tipo lenhador... Seja qual for o look escolhido, todos os fios precisam estar aparados, com o corte renovado, e hidratados para refletir maciez e brilho. Siga as dicas e confira também na galeria looks masculinos para casamento.   Finalização polida e alinhada Se a ideia é exibir um visual certinho, o corte de cabelo repicado com fios curtos é o mais indicado. Para ganhar charme, trabalhe nuca e laterais bem curtinhas e corte um degradê no topo para criar um leve topete. O graduado navalhado com mechas quiff também é uma alternativa, especialmente para cabelo ondulado a cacheado. O corte degradê é longo em cima, formando um topete alto, e mais curto no restante da cabeça. Para um alinhamento perfeito dos fios, penteie com pomada ou spray fixador. Um rosto lisinho, completamente barbeado, ou com a barba rala, por fazer, é o mais indicado para o look polido.     Estilo bagunçadinho Os cabelos repicados médios, com ou em franja, ganham movimento e uma aparência despojada penteados com mousse. Coloque o produto na palma das mãos e espalhe nos fios ainda úmidos, passando os dedos pelas mechas para trás. O look fica bem natural e combina com barba crescida e até um cavanhaque, com fios mais concentrados na região do queixo e maxilar. O cavanhaque pode ter vários formatos e comprimentos, podendo ir do clássico, com linhas mais quadradas, ao mais “grunge”, com fios mais longos.     Look selvagem Quem prefere o visual mais naturalista, no estilo lenhador, não pode abrir mão do cabelo cortado com volume e da barba longa. O corte das madeixas pode ser com o volume mais concentrado no topo ou por igual na cabeça toda. A barba comprida exige hidratação semanal e aparo com mais frequência. Se o seu look é selvagem, mas nem tanto, aposte na barba mediana, com fios entre 3 e 6 centímetros de comprimento.   Visual fashionista O cabelo longo, na altura do ombro ou abaixo, é perfeito para homens jovens e modernos. Os fios podem ser retos, repicados em camadas ou desfiados com franjão. A vantagem do longo é ter mais opção na hora de pentear: dá para deixar solto, fazer coque ou trança e prender rabo de cavalo. O que garante a beleza do cabelo são os produtos de finalização, que acrescentam textura aos fios, definem camadas e eliminam o frizz. Seja qual for o cosmético escolhido (pomada, cera, gel...), use pouca quantidade para não ganhar uma aparência suja e nunca aplique na raiz.   Interessado em proporcionar serviços mais profissionais para os seus clientes ou atualizar a sua barbearia? Invista no curso de barbeiro profissional do Instituto Embelleze. Nele, você desenvolve as competências com excelência no atendimento de cortes masculinos, modelagem de barba e aparo de pelos faciais, designer de cortes e barba, aprende as técnicas de cor, tratamentos e as mais variadas técnicas de transformação capilar masculina de alisamento e relaxamento. O barbeiro formado pelo Instituto Embelleze também será capaz de conhecer informações sobre o mercado, excelência em atendimento ao cliente e como montar sua própria barbearia.    
> Leia mais
12 coisas para não fazer na DEPILAÇÃO NO VERÃO
Basta a temperatura aumentar para o corpo ficar mais à mostra – o que exige pele lisinha, sem pelos. O lado bom é que cresce também a procura por profissionais de depilação. O lado preocupante é que o procedimento inadequado e/ou a falta de cuidados do cliente podem comprometer o visual. É que no verão, justamente por causa da exposição solar, a pele fica mais sensível. Os raios ultravioletas tendem a provocar ressecamento e inflamação dos tecidos, tornando a cútis um ambiente desfavorável para uma nova agressão. A depilação feita com a cera imprópria e na hora errada pode se transformar nesse vilão, sabia? Confira quais são as atitudes que você, profissional, precisa tomar e as dicas que deve recomendar para os clientes. A melhor cera depilatória Prefira trabalhar com a cera para pele sensível, à base de aloe vera, que é mais hidratante. Cuidado com a cera muito quente: além de queimar a pele, ainda provoca uma hiperpigmentação no local, o que resulta numa área escura. E tudo o que você não quer é uma mancha, certo? O uso de cera caseira feita com limão é proibido, pois se a pele não for higienizada corretamente depois da depilação e o cliente se expuser ao sol em seguida, vai ficar com manchas escuras. Quando se depilar Bem, você já sabe que o sol sensibiliza a pele, assim como a depilação. “No ato da extração dos pelos, a cera retira as células mortas que estão nas camadas superficiais da pele, atuando como uma esfoliação e, para não irritar a cútis, o ideal é programar a depilação”, explica Marcela Figueira, coordenadora pedagógica do Instituto Embelleze Jaboatão, no Ceará, e instrutora de depilação. Anote as boas práticas: O ideal é se depilar 24 horas antes ou 24 horas depois da exposição ao sol. “No caso de pegar sol antes, a cera pode causar machucados e queimaduras; se a exposição solar for depois da depilação, a cera pode provocar manchas”, diz Marcela. Não é aconselhável entrar na piscina depois da depilação, mesmo que ela seja coberta. “A água clorada pode desencadear uma reação alérgica, já que a pele estará mais sensível”, lembra a coordenadora pedagógica.   Foto: Shutterstock 12 coisas para não fazer na depilação no verão Antes do procedimento 1. Não se esqueça de hidratar a pele frequentemente. A hidratação aumenta a elasticidade dérmica facilitando a remoção dos pelos e a derme ressecada é mais suscetível a manchas. Só não use o produto no dia da depilação. 2. Não se depile se estiver se submetendo a algum tratamento com ácidos, pois eles fragilizam a cútis. 3. Não aplique, no dia da depilação, óleos ou cremes e loções formulados com álcool para não irritar a pele. 4. Não extraia os pelos de áreas machucadas ou irritadas. 5. Não depile se os pelos estiverem descoloridos. É que por causa da química do descolorante eles ficam mais frágeis e, por isso, há grandes chances de não serem removidos desde a raiz, encravando depois. Depois do procedimento 6. Não use bronzeador. “Ele pode ser perigoso, porque como a depilação faz uma esfoliação ela acaba removendo a pigmentação superficial da pele. Já reparou que a área fica mais clara quando depilada? Assim, ao passar o bronzeador, o produto pode ativar a melanina da área mais sensível, fazendo com que ela fique manchada”, alerta Marcela. 7. Não sufoque a pele! Deixe-a respirar, portanto, não aplique produtos à base de álcool para não sensibilizá-la. Dê algumas horas para investir em uma loção hidratante. 8. Não use óleos que tampam os poros e favorecem o encravamento do cabelo. 9. Não vista roupa apertada para não abafar a região e provocar irritação ou abafamento dos poros. 10. Não esqueça de aplicar protetor solar FPS 30 na cútis para evitar manchas. E use um produto que você já testou para não correr o risco de alergias. 11. Não caia em água quente depois da depilação — banho de chuveiro, piscina, ofurô —, porque irrita a pele. 12. Não deixe de higienizar bem a derme com um sabonete neutro e água fria para eliminar qualquer resíduo de cera. O pelo encravou? O pelo encrava quando ele tem dificuldade de atravessar todas as camadas da pele e, assim, sair pelo poro. O fio de cabelo acaba se curvando e ficando dentro da pele. Há pessoas com tendência a pelo encravado, pelo fio ser naturalmente curvo, ou porque a camada superficial da derme é mais grossa, o que dificulta a saída do pelo. A depilação realizada de forma errada, sem a técnica correta, também provoca o encravamento. Como evitar - Para diminuir a incidência do problema, ou até se livrar dele por completo, faça assim: Esfolie a pele regularmente, uma vez por semana ou a cada 15 dias, até três dias antes da depilação com cera. O afinamento da superfície da pele facilita a saída do pelo. Hidrate-se diariamente para manter a pele saudável e facilitar a extração do pelo. Evite usar roupas apertadas após a depilação para a pele respirar à vontade. Não aplique óleos ou cremes oleosos depois da depilação para não bloquear os poros. Como combater - Antes de ficar cutucando a pele para desobstruir os poros, o que acaba machucando e causando lesões, siga estes passos: Se o pelo encravou, a melhor maneira de retirá-lo é afinando a pele e liberando o poro. Com cuidado, raspe a área com lâmina de barbear. No caso de inchaço, dor e vermelhidão no local, o mais indicado é procurar orientação de um profissional, que tem os recursos mais adequados para o tratamento.   Foto: Shutterstock Alternativa à cera depilatória A coordenadora pedagógica do Instituto Embelleze dá uma dica perfeita para quem deseja tirar os pelos de regiões pequenas, como o buço: “Aposte na depilação com linha. Esse método é perfeito para pele sensível, já que não utiliza química e nem oferece riscos de alergias ou queimaduras. Outra vantagem é que evita manchas”.  E atenção: um trabalho bem feito deve ser realizado com produtos registrados pela ANVISA e executado por um profissional da área capacitado, como são as pessoas que se formam no curso de depilação do Instituto Embelleze. Agora que você já sabe de todas essas dicas é só seguir e aproveitar o verão com uma pele mais saudável e bonita!
> Leia mais
Copyright © 2021 · Todos Direitos Reservados