Experts    |    Eu, profissional    |    Tendências    |    Guia da Beleza
Voltar

Experts

Colorimetria: conheça a ciência por trás das cores que todo cabeleireiro precisa entender

Entenda a importância do estudo das cores nos cabelos de forma personalizada e garanta resultados ainda mais satisfatórios para suas clientes

Antes de aplicar uma tonalidade nos cabelos da cliente é essencial fazer um estudo das cores que mais trarão harmonia de acordo com a pele e outros elementos. Por isso, a Colorimetria vai determinar a nuance certa a partir da avaliação do matiz, intensidade e saturação. Dessa forma, o profissional saberá quais são as misturas de cores que devem ser utilizadas para que obtenha o resultado desejado.

Saber calcular os efeitos das tintas é muito importante para atingir bons resultados, as diferentes texturas e cores dos cabelos das clientes afetam o processo, então este conhecimento é relevante, já que existem vantagens com o trabalho bem executado como por exemplo:

Economia: Sabendo utilizar as tintas baseando-se no cabelo da sua cliente você evita o desperdício, utiliza o produto correto e economiza, já que não será necessária a utilização de vários produtos para alcançar o resultado esperado.

Sem erros: Com a frequência de busca por conhecimento no estudo das cores a probabilidade de erro é mínima. Então, o ideal é sempre buscar aprimorar as informações com cursos a respeito da Colorimetria.

Cliente satisfeita: Com a menor chance de erro e escolha certa dos produtos, a cliente fica satisfeita, aumentando a fidelidade no seu salão.

Dicas para utilizar a Colorimetria no dia a dia:

Use tintas de qualidade, de preferência as que você já tem uma experiência maior. Esteja sempre atento aos prazos de validade e guarde em local adequado conforme manda a embalagem.

Pratique sempre, já que sabemos que a prática leva a perfeição, então, não tenha medo, todo bom profissional leva tempo para se tornar o que é, na base dos estudos e testes é que se transforma!

Faça o uso do teste de mecha nas suas clientes, principalmente quando o produto não é o que você está acostumado a utilizar. Por mais que as colorações tenham o mesmo nome ou a embalagem demonstre uma cor muito próxima elas nunca são iguais, então, não se arrisque em acabar um trabalho todo utilizando uma coloração errada.

Não se esqueça dos números de tinta nas caixas, eles correspondem a tabela de coloração, assim fica mais fácil saber qual é o tom e calcular de forma correta qual cor utilizar para cada fundo específico.

Incrível, não é mesmo? E você pode aprender tudo isso e muito mais no nosso curso de cabeleireiro, acesse já o site https://institutoembelleze.com  e se matricule!

Tags

cabelo

Comentários

Fique por dentro
Cadastre-se e receba as novidades!

Veja também ...

5 dicas de marketing para cabeleireiros
Diante de um mercado de trabalho cada vez mais acirrado, precisamos ter um diferencial e nos comunicar com o cliente. Geralmente, o profissional capacitado e atualizado, que acredita no seu potencial e zela pela qualidade do seu serviço vai tirar de letra as dicas que daremos aqui. E, então, está pronto para começar? 1- Você precisa ter total conhecimento do mercado em que atua Ou seja, antes de mais nada, precisa compreender as necessidades do público, estar atento às tendências, aos estilos, técnicas e novas possibilidades que estão sendo desenvolvidas. Nunca, em hipótese alguma, se acomode no que já aprendeu. Não ouse pensar que o conhecimento que possui é mais do que suficiente. Invista sempre em sua qualificação profissional. 2- Divulgue o seu trabalho sem cessar Não tenha vergonha, aproveite todas as oportunidades para entregar folhetos, colocar faixas com promoções de cortes ou penteados e distribuir seus cartões de visita. Escolha um dia para fazer uma promoção especial e mande convite para seus clientes. As promoções costumam ser muito bem recebidas, desde que os serviços prestados não sejam diminuídos na sua qualidade por conta do preço. Neste momento, você só está interessado em divulgar o seu trabalho com competência e excelência, o resto é consequência. 3- Invista também nas redes sociais e conecte-se com seus clientes por meio de posts Essa divulgação costuma ser muito bem aceita porque hoje em dia as pessoas utilizam muito a internet para se relacionar. Crie um grupo no Facebook, monte um site, promova a sua Fan Page e procure uma forma de ser lembrado mesmo que você não esteja de corpo presente. 4- Faça network Essa dica é muito importante também. Relacionar-se é uma das melhores formas de sermos lembrados. Esteja no maior número de eventos que puder. Com o tempo, você será lembrado e requerido, só precisa de um tempo para tornar a sua marca forte. Mas, não se engane: a sua marca corresponde àquilo que você é e faz. Por isso, seja primoroso e trabalhe com responsabilidade. 5- Conheça o seu público Pare e pense: quando algo ou alguém nos é muito valioso, o que queremos é conhecê-lo cada vez mais e melhor, não é mesmo? Por isso, trabalhar pela satisfação dos clientes é algo que faremos sem medidas. E como isso pode ser feito? Conhecendo seus gostos, necessidades e desejos. A partir daí, você terá todo suporte para trabalhar, saberá que tipo de serviço oferecer, levando em conta o poder aquisitivo desse público e suas condições de vida. Seja sempre amistoso, cuide para que este cliente fique à vontade no seu salão. Posteriormente, ele mesmo fará para você o marketing mais antigo, que é a boa e velha indicação boca a boca. Se ele sair feliz e satisfeito do seu salão, ele certamente voltará, mas não sozinho, trará um acompanhante para usufruir também de seus serviços e bom atendimento. No curso de Gestão de Salões de Beleza você aprenderá sobre marketing e muito mais! 
> Leia mais
TRANSFORME-SE EM DESIGNER DE SOBRANCELHAS
A simetria da sobrancelha só é possível quando o pelo é retirado ou mantido no lugar certo. Às vezes, a única maneira de conseguir um visual bem alinhado é deixando os fios crescerem para depois fazer a limpeza e o desenho corretos. Mas quem quer carregar uma taturana acima dos olhos enquanto espera a transição?Bem, a melhor maneira de conquistar sobrancelhas perfeitas é confiando a beleza a um especialista no assunto. E, depois que a gente encontra o designer de confiança, nunca mais quer viver sem ele! Pensando nisso, reunimos alguns conhecimentos importantes para quem está entrando na carreira de designer de sobrancelha ou deseja aperfeiçoar as técnicas. Afinal, a área está cada dia mais competitiva e um bom designer de sobrancelha pode fazer muito sucesso especialmente entre a mulherada. Anote aí algumas dicas essenciais para aplicar nas sobrancelhas de suas clientes... 3 dicas para se tornar um ótimo designer de sobrancelhas 1. Conheça os cuidados necessários para o design Existem muitas técnicas que podem ser aplicadas para o design, mas, antes de começar o trabalho, é preciso avaliar que desenho fica bem em cada formato de rosto (veja abaixo) e qual é o método mais indicado para o tipo de pele. As opções oferecidas são várias, como a depilação com linha, para quem tem pele sensível, e a pinça, para retirar fios médios e longos e limpar os excessos sem mexer no contorno da sobrancelha. Seja qual for a escolha, aplique-a com a pele e os pelos limpos (com um algodão embebido em espuma ou loção de limpeza) para eliminar resíduos de maquiagem ou de hidratante e, assim, prevenir irritações. A esterilização de todos os materiais que serão utilizados é fundamental, pois estarão em contato direto com a pele do cliente, podendo até mesmo deixar pequenos pontos abertos.  2. Use o visagismo para um desenho perfeito Se a ideia é mudar o formato da sobrancelha para que ela fique em harmonia com o rosto, o visagismo é um recurso que pode ajudar. Além do equilíbrio no visual, ele oferece a possibilidade de se fazer um desenho que combine com a personalidade do cliente. É o método mais certeiro para imprimir o olhar marcante e harmonioso que todo mundo deseja. O visagismo consiste no estudo das proporções do rosto para encontrar o formato de sobrancelha ideal para cada pessoa. Ao contrário de muitas técnicas, o visagismo não está ligado a tendências, mas sim ao alinhamento, equilíbrio e expressividade do rosto. Veja exemplos nos quais o visagismo foi aplicado:  Sobrancelhas levemente arredondadas e curvadas no rosto quadrado    O rosto redondo combina com formas arqueadas, mas sem sair muito do desenho original   Formas retas e traços bem marcados são indicados para o rosto triangular  No rosto oval prefira formas retas com pontas curvadas    3. Prefira manter a tonalidade natural Para garantir que o rosto fique com um aspecto natural, do tipo "nasci assim", não basta apenas adequar o desenho da sobrancelha ao formato do rosto. Manter a cor dos fios em harmonia com o todo também é essencial. Portanto, mesmo que o cliente tenha o cabelo pintado, mantenha as sobrancelhas dele na tonalidade mais natural possível.    Para se tornar um expert em sobrancelhas, conheça nosso curso de Designer de Sobrancelhas ou visite uma unidade Embelleze mais proxima de você.
> Leia mais
Copyright © 2021 · Todos Direitos Reservados